Matérias



Doenças reumáticas podem afetar pessoas de todas as idades Idosos

Home > Matérias > Idosos > Doenças reumáticas podem afetar pessoas de todas as idades

SulAmérica_Doenças reumáticas (2)De acordo com dados do Ministério da Saúde, as doenças reumáticas afetam cerca de 12 milhões de brasileiros e estão entre as principais causas de afastamento do trabalho.

Essas patologias, que englobam mais de 200 tipos de doenças e síndromes, afetam o aparelho locomotor, ou seja, os ossos, as articulações, as cartilagens, os músculos, os tendões e os ligamentos. Além disso, em algumas condições, outras partes do corpo também podem ser afetadas, como os rins e o coração.

Entre as doenças reumáticas mais comuns estão a osteoartrite, também conhecida como artrose, fibromialgia, osteoporose, gota, tendinite, bursite e algumas enfermidades que acometem a coluna vertebral.

Quem pode ter uma doença reumática

Diferentemente do que se imagina, as doenças reumáticas não atingem somente idosos. Pessoas de qualquer idade, inclusive recém-nascidos, podem desenvolver uma patologia reumática.

A febre reumática, por exemplo, costuma afetar com mais frequência crianças acima dos cinco anos e adolescentes, podendo atingir, além das articulações, o coração, o cérebro e o tecido subcutâneo.

Já o lúpus eritematoso sistêmico, doença inflamatória crônica e de caráter autoimune, tende a ser mais frequente no sexo feminino, principalmente entre a segunda e terceira década de vida. Na maioria das vezes, a primeira manifestação da doença é a inflamação dos rins.

Veja a seguir os principais fatores de risco das doenças reumáticas:

- Herança genética

- Traumas

- Obesidade

- Sedentarismo

- Idade avançada

- Tabagismo

- Profissões que sobrecarregam o aparelho locomotor

Diagnóstico precoce

Todas a doenças reumáticas possuem tratamento, e o quanto antes forem diagnosticadas, maiores serão as chances de o paciente levar uma vida sem dor e com qualidade.

Caso você sinta dores constantes nas articulações, principalmente por mais de seis semanas, acompanhadas de inchaço, vermelhidão e dificuldades para se movimentar, procure ajuda médica.

Voltar